Mestres

Gerson Pinheiro

Gerson Luís Pinheiro é o idealizador e fundador da SOS Abelhas sem Ferrão, instituição dedicada à conservação das abelhas nativas do Brasil.

O projeto surgiu em 2014 à partir de uma excursão de sua filha caçula, onde conheceu as abelhas sem ferrão e as apresentou ao pai, que encantado com a importância das abelhas nativas e sua enorme diversidade passou a resgatar colônias em risco e realizar atividades de educação ambiental. A

experiência acumulada ao longo dos últimos 4 anos, mostram que as mais de 25.000 pessoas impactadas pelas 987 palestras que o SOS Abelhas Sem Ferrão já ministrou (até maio/2018) em mais de 30 cidades brasileiras, podem se tornar meliponicultores de abelhas nativas, e ainda se tornarem polinizadores desta ideia, mostrando para seus amigos e familiares, essa forma tão gostosa de ajudar a natureza

João Ávila

João Ávila, há mais de 40 anos, dedica-se  ao ensino da Biodinâmica.

Já são mais de 3 mil pessoas orientadas através da sua eficaz metodologia, em todo o Brasil e América Latina. Ainda na Alemanha, foi aluno direto de contemporâneos de Rudof Steiner, criador da prática e da Antroposofia, e hoje, com seu curso no Pílula Verde, tem a oportunidade de passar esse rico e exclusivo conhecimento à você.

Agora em 2019 , João publicará, em formato de livro, seu trabalho de pós-graduação: “Agricultura Biodinâmica: Uma visão”, onde procura desmistificar a biodinâmica sem ostentar qualquer erudição vazia. A proposta é conciliar Ciência Espiritual e Ciência Natural, onde ambas se complementam mutuamente, sem contradições e com absoluta coerência. Bem-vinda, bem-vindo!

Amanda Frug

Amanda Frug é ecóloga (Bacharel em Ecologia) formada na Unesp de Rio Claro, com formação em Terapia Corporal e Transpessoal no Instituto Rio Abierto (Brasil – Argentina), Facilitação de Processos no Programa Germinar e Art of Hosting e Gestão de Organizações da Sociedade Civil no FICAS. Começou sua atuação como Educadora, Produtora de Cursos e Coordenadora de Projetos em Educação para a Sustentabilidade, ainda no início da faculdade em 1998, tendo como foco principal a difusão da Permacultura e o desenvolvimento da Educação com a Natureza. Em 2008, junto com Bruno Helvécio (companheiro e parceiro de trabalho)​, deu início às atividades da Humanaterra. Em 2010 recebeu o reconhecimento do Prêmio Itaú – FIES na Categoria Educação Ambiental – Formação de Educadores, pelo Projeto Fonte Escola. Autora do livro Horta Escolar – Uma Sala de Aula ao Ar Livre, lançado em 2011. Tornou-se Empreendedora Social fundando o Instituto Humanaterra em 2014, do qual é diretora. ​Ajuda por meio de atendimentos e aconselhamentos pessoas e grupos no desenvolvimento de seus projetos e objetivos de vida. ​Antes de tudo, uma sonhadora, apaixonada pelo ser humano, pela natureza e pela família, movida por uma vontade enorme de fazer acontecer uma sociedade mais humana e a favor da natureza!

Bruno Helvecio

Bruno Helvecio é Recreador, Educador, Permacultor e Jardineiro. Coordenador de Atividades Lúdicas na Toca da Raposa de 2000 a 2005; Coordenador de Atividades Lúdicas, Educação com a Natureza e Formação de Educadores em Hortas Escolares no Programa Fonte Escola – Sociedade Ecológica Amigos de Embu – SEAE de 2008 a 2011. Em 2008, junto com Amanda Frug (companheira e parceira de trabalho), deu início às atividades da Humanaterra. Em 2010 recebeu o reconhecimento do Prêmio Itaú – FIES na Categoria Educação Ambiental – Formação de Educadores, pelo Projeto Fonte Escola. É coautor do livro Horta Escolar – Uma Sala de Aula ao Ar Livre, lançado em 2011. Consultor e instrutor em formações de equipe de monitores e educadores em programas de Educação Ambiental, nas especialidades Educação com a Natureza e Permacultura aplicada à Educação. Jardineiro-educador para crianças e criação do viveiro-escola no Instituto Eurofarma de 2011 a 2016; Consultor em permacultura escolar, jardineiro – educador e formação de professores na Associação Quintal Mágico, Fundación Mapfre e Instituto Olinto Mendes de Paula. Fundador do Instituto Humanaterra em 2014, do qual é diretor. Antes de tudo, um apaixonado por jogos e brincadeiras, pelo mundo das plantas, manejo da terra e construção de paisagens naturais com grupos de pessoas

Bruno Helvecio

Australiano, horticultor, estudou Permacultura com seu mentor Bill Mollison, por 14 anos viveu de modo autossustentável no Sul de MG.

Há mais de 20 anos tem paixão por dividir o que aprende com a natureza, para que o ser humano redescubra como produzir seu alimento em parceria com a Floresta

Humberto Costa

Fundador da Costa Bushcraft and Survival.
Veterano da infantaria do Exército Brasileiro, onde serviu até 1999.
Hoje é um dos instrutores de sobrevivência mais respeitados do país.
Tem em sua descendência o povo Kaigang e seu nome na língua Kaigang é “Pin Ungre”, que significa guerreiro de fogo. Desde que deixou o exército, vem realizando treinamentos de sobrevivência em áreas florestais. Em 2012 fundou sua própria empresa e desde então treinou civis e militares, tendo sido um dos poucos brasileiros a realizar treinamento de sobrevivência em todos os biomas brasileiros, conquistando respeitável reputação entre os civis, militares e policiais.
Em 2019, foi convidado a escrever um artigo para a revista The Bushcraft and Survival Skills – a maior do mundo – sendo o primeiro brasileiro a escrever nessa revista! Em 2020, escreveu o segundo artigo, contendo 07 páginas !